Textos Mais Recentes

Existe um Imperialismo Oriental?
12 / 2018

VAMPEL II

Matrimonium Lamia Nocts
21/03/2018


inCompetência e Presciência da Vara de Curitiba
16/09/2017

Gladium Volantis
10/08/2017

VAMPEL
Vocationem Lamia Noctis

23/06/2017

ABISMO NEGRO
Um Clássico da FC

02/06/2017

Feminismo "Benevolente" e Feminismo Radical
15/02/2017

Homens e Aborto
09/02/2017

Globalização, Globalismo e Globismo
24/01/2017


2 0 1 6

Feminismo Neo Pentecostal 01/11/2016

O Feminismo Desvirtuando as Instituições
22/09/2016

Os Titereiros do Capital e suas Marionetes de Esquerda
24/08/2016

A Guerra Contra a Reprodução
03/08/2016

A Família em Desconstrução Linguística
22/07/2016

Muita Sandice numa Burrice Só
18/07/2016

As Águas Sujas da Privatização
30/06/2016

Do Pré-Sal ao Impeachment
O Maravilhoso Mundo das Coincidências Fabulosas

28/06/2016

OBLIVION
Obra-Prima da FC

18/06/2016

O Estupro Coletivo da Consciência Social
14/06/2016

Os 300 da Suécia
26/05/2016

À Espera de
Um Milagre
(econômico)

21/05/2016
2 0 1 5

5 Bobagens Planetárias da FC 26/11/2015

Sensual Kombat
08/11/2015

TELLUS
X
THALASSA

15/07/2015

QUARTO Esboço de uma FILOSOFIA DO CAOS
28/06/2015

A Verdade Sobre Margareth Sanger
Ela NÃO Era Abortista!

28/06/2015

A Dignidade Humana Entre A Esquerda e A Direita
19/06/2015

Pode o Feminismo Não Ser Misândrico?
09/06/2015

Mad Max
Fury Feminist?

28/05/2015

Batalhas Espaciais II
26/04/2015

ABORTISMO
05/03/2015

Aborto à Francesa
05/03/2015

A Queda da Lua
23/02/2015


2 0 1 4

3o Esboço de uma FILOSOFIA DO CAOS
21/12/2014

Invertendo a Igualdade
18/12/2014

Desleitura Feminista em Christine de Pizan
01/12/2014

ESTUPRISMO
18/11/2014

Disputa Semântica
18/11/2014

Por que VEJA odeia o PT?
06/11/2014

Estuprando Números
11/09/2014

rePensando o Feminismo
19/08/2014

GRIDVENCE
15/07/2014

A Fundação do Feminismo
25/06/2014

5.000% de Paranóia
10/05/2014

Pensando nELA
25/04/2014

Atacando uma Ficção
20/04/2014

Estuprando a Justiça
03/03/2014

Entendendo a MISANDRIA
18/02/2014

Heroísmo: O Outro Lado da Masculinidade
18/02/2014

Em Defesa do Patriarcado
03/02/2014


2 0 1 3

Hipótese Benevolente à Cruzada Anti-Reprodutiva
31/12/2013

A Cultura do ESTUPRO
28/11/2013

O Estupro da CULTURA
28/11/2013

Expressar ou Doutrinar?
26/09/2013

Traindo o Movimento
27/08/2013

Filosofia, Ideologia e Militância
26/08/2013

Infeliciana Homofobia
17/08/2013

As Ovelhas e os Memes
13/08/2013

Complexo de Paraíso Perdido
06/08/2013

Financiamento Público de Campanha
12/07/2013

Cavalheirismo é Sexismo?
10/07/2013

'DeZrazões' Para Liberar as Drogas
11/05/2013

Meta-Teoria da Conspiração
11/05/2013

O Fantasma de CHE
11/05/2013

Revolução Digital
11/05/2013

VEJA - Um Tiro na Cabeça
11/05/2013

Da ESQUERDA para TRÁS
02/04/2013

A Cara do BRASIL
15/03/2013

HIPERGAMIA - Fundamentação
02/02/2013


2 0 1 2

GenoGênese
21/12/2012

Simbolismo do Aborto
16/11/2012

O Argumento Decisivo
16/11/2012

Aborto Repensado
16/11/2012

Em Defesa do Estado
03/10/2012

Reflexões Mentalistas - Virtualidade Real
30/09/2012

2o Esboço de uma Filosofia do CAOS
04/07/2012

Hipergamia 2.5 Adendo - 1 Ídolos
03/07/2012

O Escudo do Capitão América
13/06/2012

MARX X Marxismo
01/06/2012

Da ESQUERDA para BAIXO
13/05/2012

GINOTOPIA - Hipergamia V
03/05/2012

Lesbianismo
03/05/2012

Estado X Indivíduo
04/03/2012

Das Indestrutíveis Idéias
04/03/2012

A Revolta dos Titãs
09/02/2012

1o Esboço de uma Filosofia do CAOS
30/01/2012

Hora, Data, Temperatura
26/01/2012

Ateísmo e Relativismo
21/01/2012


2 0 1 1

Religião Musical
26/11/2011

Calendários Alternativos
22/11/2011

Vôos, e Quedas, Ideológicos
10/11/2011

Horário de Verão no Brasil
07/11/2011

Hipergamia
Introdução

27/09/2011

Hipergamia IV
Atração Sublimada

27/09/2011

Hipergamia III
Atração Social

19/09/2011

Hipergamia II
Atração Imoral

11/09/2011

Hipergamia I
Atração Fatal

08/09/2011

Pornografia e Machismo
25/08/2011

Viagens Espaciais
18/06/2011

Teletransporte
18/06/2011

Viagem no Tempo e Paradoxo Temporal (Finalizado)
14/06/2011

Heróis de ESQUERDA X Heróis de DIREITA
10/03/2011

ZUMBIS à Esquerda, VAMPIROS à Direita
10/03/2011

RY-5
10/03/2011

Crônica de GRADIVIND
26/11/2011

Eu Sou A Lenda
25/11/2011

Histórico de Textos Publicados
2 0 1 9
16 de Julho

Há 17 anos, publiquei em meu site um conto em duas partes chamado CONVERSANDO COM O DIABO, onde narro um encontro fictício entre um personagem sem nome, narrado em primeira pessoa, e a entidade que se apresenta como uma versao bastante estilizada do próprio Lúcifer.

Pouco adiantou ter colocado imediatamento no início o aviso "Favor não confundir esta obra de Ficção com a realidade deste autor", tão pouco que o conto seja claramente uma mistura de Ficção Científica e Fantástica, falando em outros planetas, em hipótese de campo mentônico e ficções teológicas que reinterpretam o mito da Torre de Babel no sentido de uma neutralização de uma capacidade telepática inata dos humanos primordiais. Tinha até um plano do Diabo para bombardear Jerusalém com um meteoro nuclear!

Foi o meu maior "sucesso" literário até hoje, rendendo uma horda de mensagens, a maioria por e-mail, mas não por ser bem escrito (foi uma das minhas mais primevas experiências), mas porque uma penca de gente o levou a sério e, ATÉ HOJE, me aparece gente me perguntando como invocar o diabo para fazer um pacto.

15 de Julho

Boa parte do mal que tem ocorrido nos últimos anos pode ser ilustrado pelo equívoco de que estejam em jogo meros "Pontos de Vista" divergentes.

De fato, perspectivas distintas explicam a maior parte dos desentendimentos. Em minha infância divergi de um coleguinha sobre a grafia da letra 'i', pois ele a desenhava como um '!', e só muito depois eu me dei conta de que estávamos um de frente para o outro desenhando no mesmo papel e, portanto, cada um vendo a escrita do outro invertida!

Mas o que está a ocorrer no cenário político ideológico atual é bem mais grave que isso, pois os pontos de vista divergentes, embora continuem a todo vapor motivando discussões e debates homéricos indo do mais sofisticado ao mais rude, ocupam espaço minoritário.

O que temos agora em sua maioria dominante não são pontos de vista, são PONTO CEGOS! Não são pessoas que estão vendo algo por uma perspectiva em especial, mas que não estão a ver coisa alguma. Pior! Estão alucinando! Não apenas deixando de ver o que existe, mas vendo o que inexiste e cujos delírios se sobrepõem à realidade tornando-a inacessível.

Enquanto liberais e intervencionistas minimamente sensatos podem divergir sobre o quanto de regulação é o ideal num dado contexto econômico, chega um esquizofrênico e diz que quanto menos Estado melhor, ignorando a realidade flagrante das favelas dominadas pelos narcotráfico ou países como Suriname ou Somália, bem como o oposto dos países de maior IDH do mundo e seus ostentosos Estados de Bem Estar Social.

Enquanto o governo destrói qualquer esperança de recuperação econômica submetendo nossa produção à concorrência desonerada de países muito mais fortes em termos industriais e repleto de subsídios sem qualquer contrapartida, bem como arruinando qualque chance de geração de emprego ao aumentar as possibilidades de exploração do segmento ainda empregado (Como se permitir a obrigação a expediente adicional em fins de semana e feriados fosse milagrosamente fazer os empregadores quererem contratar mais!), ou simplesmente gastando bilhões de reais ao mesmo tempo que se perdoa bilhões de dívidas de megaempresários com a justificativa de cobrir um rombo previdenciário que, ainda que existisse, seria muito menor que o montante gasto e perdoado, ainda assim, diante disso, chegam celenterados dizendo que precisamos "livrar o Brasil do comunismo!"

E enquanto investigam as milícias que assassinaram Marielle Franco procurando os motivos específicos e autores do crime, os que poderiam estar se juntando às forças de resistência preferem consumir psicotrópicos ideológicos para dizer que ela foi morta por ser "mulher e negra", e não por ter desafiado o crime organizado. Ou silenciosamente apoiam a ampliação dada pelo governo a legislações misândricas que só fizeram aumentar o índice de crimes que se propuseram a reprimir, sem sequer admitir que apoiam a mesmíssima coisa.

O pouco que tem havido de divergência de perspectivas perdeu a relevância. Estamos sob direção de mentecaptos que acreditam que Lulinha é o dono da Friboi e não veem problema algum em colocar Dudu como Embaixador dos EUA, energúmenos que crêem combater o Globalismo se submetendo a ninguém menos que os próprios globalistas que controlam a OCDE e se afastado da não-globalista OMC, e sacripantas que falam combate a criminalidade apoiando milicianos e em combate a corrupção apoiando procuradores e juízes que corromperam a lei em troca de dinheiro e cargos no governo.

Não é mais uma questão de princípios, pois esses já foram sacrificados no altar de falsos ídolos que prometem exorcizar demônios inexistentes, resultado infalível de trocar um ponto de vista da realidade pela vista de um ponto no vazio das ilusões.

Temos agora que lidar em toda parte com vítimas de surtos esquizóides que juram ver melhoria na economia diante do aumento do desemprego, queda de investimentos e entrega de patrimônio nacional ao estrangeiro.

Não é a toa que discussões se tornaram intoleráveis. É impossível fazer alguém num surto esquizofrênico pensar racionalmente. Não há como esperar lucidez de alguém que esteja cego pelo ódio contra seres que, inexistindo, são vistos em qualquer um que não compartilhe da mesma psicopatologia.

E sobretudo, não há como fazer ver a tragédia hecatômbica que é o Governo Bolsonaro para quem está acreditando viver num cenário de armagedon entre demônios e anjos que existe somente em sua própria cabeça. De simulacro de proposição política com fino verniz ideológico, o bolsonarismo hoje só subsiste como doença mental, e não é cabível lidar com ele no plano da racionalidade.

Resta torcer para a insanidade coletiva que tomou nosso país seja temporária.

12 de Julho

Nova Resistência - Brasil
12 de Julho
DESISTA! Você não vai se aposentar.

A Reforma da Previdência foi aprovada pela Câmara dos Deputados. 379 deputados federais se mostraram parasitas e inimigos do povo. Caso a Reforma da Previdência passe também pelo Senado e receba sanção presidencial, a situação dos brasileiros que dependem de aposentadorias e pensões vai piorar muito.

E tudo por causa de uma mentira.

A mentira de que a Previdência brasileira é deficitária. Como já demonstramos diversas vezes, os cálculos que o governo e seus apoiadores usam para justificar a Reforma da Previdência são fictícios e não levam em consideração todas as fontes de custeio e financiamento determinados pela Constituição e pela legislação brasileira em geral.

Os cálculos do governo excluem COFINS, CSLL e concursos de prognósticos. Tudo isso somado não custeia apenas a Previdência, mas TODO o sistema de Seguridade Social, deixando ainda um superávit de 20 bilhões de reais (em 2015)!

Mas esse superávit poderia ser MAIOR. Não é por causa de uma fraude. Essa fraude praticada pelo governo se baseia em um outro CRIME de improbidade cometido por ele: o governo utiliza a receita da Seguridade Social (que a Constituição ordena que seja utilizada apenas para a Seguridade Social) para aplicar em outros gastos orçamentários, especialmente o pagamento de juros (gerados pelo lançamento de títulos para controlar a SELIC).

Isso é feito através do artifício inconstitucional da desvinculação de receitas da União!

Dinheiro das nossas aposentadorias e pensões é utilizado para pagar banqueiros nacionais e internacionais. E quando faltar esse dinheiro, seremos nós que teremos que pagar mais, e por mais tempo, para seguir financiando este sistema de escravidão dos juros, a usurocracia internacional.

O superávit de todo o sistema da Seguridade Social, inclundo aí a Previdência, já foi comprovado por uma CPI dedicada ao tema, e com base nisso o Judiciário brasileiro condenou o governo Temer por propaganda enganosa.

Assim, de início, já podemos ver que a propaganda do déficit previdenciário é desinformação comprovada.

Derrotado judicialmente essa argumentação, a propaganda do governo passou a de ser que o Brasil precisa da Reforma da Previdência para a economia voltar a crescer. Mesmo argumento usado em relação à Reforma Trabalhista.

Bem, já vimos que no caso da Reforma Trabalhista era outra mentira, outra desinformação. A economia não voltou a crescer. Ao contrário, com os trabalhadores precarizados e com renda menor, a economia estagnou ainda mais.

Mesmo que pudéssemos, porém, falar em problemas previdenciários várias outras soluções estavam à disposição do governo. Soluções que não envolvessem sacrificar a vida dos trabalhadores em prol dos rentistas.

A CPMF era, por exemplo, uma das várias fontes de custeio da Seguridade Social. Recolhia uma soma considerável afetando minimamente a renda dos estratos mais abastados da população. A sua revogação foi um ato puramente político.

Se a Previdência enfrenta problemas, por que não restaurar a CPMF?

Ainda mais: Se a Previdência enfrenta problemas, então por que os últimos governos e o atual seguem perdoando dívidas previdenciárias de grandes empresas e bancos. Por que os governos seguem dando isenções multibilionárias capazes de custear a Previdência social por anos?

Mas falando assim estamos tratando ainda apenas de questões políticas e econômicas de larga escala, de interesse do Estado. E como a Reforma da Previdência afetará a vida de cada cidadão?

Bem, agora, para receber o benefício "integral" todo brasileiro terá que contribuir por pelo menos 40 anos. Isso significa simplesmente que, em um ambiente econômico no qual uma parte considerável da população não consegue emprego e, quando trabalha, o faz informalmente, quase ninguém mais conseguirá o benefício integral.

O cálculo do benefício, ademais, agora contabilizará todos os salários, e não apenas os mais altos. De modo que, novamente, o valor das futuras aposentadorias será menor.

Quem depende de pensão por morte verá a sua pensão cortada praticamente pela metade. Se antes você recebia 100%, agora receberá 50% +10% por dependente.

O benefício dado aos idosos em extrema pobreza vai sofrer um corte ainda maior. Se até agora os idosos nessas condições recebiam 1 salário mínimo, a partir de agora receberão apenas R$ 400,00.

Professores e trabalhadores rurais estão entre os mais prejudicados também. Estes últimos correm o risco de nunca mais conseguirem se aposentar. Se a legislação até agora reconhecia o caráter "especial" do trabalhador rural, já que este nem sempre tem renda para contribuir com o INSS, a partir de agora os agricultores familiares terão que contribuir por 20 anos, além de os grupos familiares serem obrigados a recolher pelo menos R$ 600,00 por ano, mesmo em anos de colheita ruim, em que nada puder ser vendido.

Ora, mas a Reforma da Previdência não era para "acabar com privilégios"? Então como que os mais afetados e prejudicados estão sendo os mais pobres?

A Reforma da Previdência é um crime que nunca poderá ser perdoado. É um crime cometido por gente que odeia o povo brasileiro. É um crime cometido por uma casta de parasitas apátridas, por uma casta de nômades cosmopolitas, que preferem Miami e Nova Iorque ao Brasil Profundo.

LIBERDADE! JUSTIÇA! REVOLUÇÃO!


3 de Julho

Uma grande diferença entre a Organização Mundial de Comércio (OMC), da qual o governo está tirando o Brasil, para a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE), para onde está nos levando, é que a primeira é uma instituição baseada num Liberalismo Clássico, focado no livre comércio, porém, pesando as diferentes condições de seus mais de 150 membros e tratando os desiguais na medida de sua desigualdade, garantindo assim uma competição mais equilibrada. E pouco ou nada interfere nos demais assuntos não econômicos, deixando em paz a soberania das nações.

Basta dar uma olhada na lista dos estados membros para observar que há países das mais diversas orientações ideológicas, políticas e religiosas.

Já a OCDE é uma organização liberal essencialmente Globalista, com fins de criar uma rede de controle comercial mundial capitaneada por uns poucos países (36 membros), sob controle de menos ainda, para não dizer só um, que impõem não apenas regras econômicas, mas também políticas e ideológicas. Ela possui regras claras quanto a aceitação da agenda progressista neoesquerdista que não possui paralelo na OMC.

Sim, prezáveis neoconservadores que votaram em Bolsonaro em defesa dos valores morais, religiosos e da família tradicional. Com a entrada na OCDE, e agora ainda por cima o acordo com a União Européia, o Brasil estará duplamente pressionado, praticamente obrigado, a aceitar o pouco que ainda não aceitou da agenda progressista cultural.

Contagem regressiva pro STF liberar o aborto, e agora, sinceramente, vou dizer: Bem Feito! Panacas Olavetes!

1 de Julho

Não há um único recorte de idade, gênero ou região onde o privatismo ganhe! E isso a despeito do fato de que a maioria sequer está bem informada da realidade mundial da privatização, sendo vítimas do bombardeio midiático incessante com toda a propaganda torpe contra as empresas públicas. Maioria dos brasileiros não quer privatização dos Correios e da Petrobras, diz pesquisa









































2019

Junho

Maio

Abril

Março

Fevereiro

Janeiro

2018

Dezembro

Novembro

Outubro

Setembro

Agosto

Julho

Junho

Maio

Abril

Março

Fevereiro

Janeiro

2017

Dezembro

Novembro

Outubro

Setembro

Agosto

Julho

Junho

Maio

Abril

Março

Fevereiro

Janeiro

2016

Dezembro

Novembro

Outubro

Setembro

Agosto

Julho

Junho

Maio

Abril

Março

Fevereiro

Janeiro

2015

Dezembro

Novembro

Outubro

Setembro

Agosto

Julho

Junho

Maio

Abril

Março

Fevereiro

Janeiro

2014

Dezembro

Novembro

Outubro

Setembro

Agosto

Julho

Junho

Maio

Abril

Março

Fevereiro

Janeiro

2013

Dezembro

Novembro

Outubro

Setembro

Agosto

Julho

Março à Junho

Fevereiro

Janeiro

2012

Dezembro

Novembro

Outubro

Setembro

Agosto

Julho

Junho

Maio

Abril

Março

Fevereiro

Janeiro

2011

Novembro e Dezembro

Setembro e Outubro

Julho e Agosto

Abril a Junho

Março

Fevereiro

Janeiro

2010

Dezembro

Novembro

Outubro

Setembro

Agosto

Julho

Junho

Maio

Abril

Janeiro a Março

2009

Dezembro

Novembro

Outubro

Setembro

Agosto

Julho

Junho

Maio

Março e Abril

Fevereiro

Janeiro

2008

Novembro e Dezembro

Outubro

Setembro

Agosto

Julho

Junho

Maio

Abril

Março

Janeiro e Fevereiro

2007

Dezembro

Novembro

Setembro e Outubro

Julho e Agosto

Maio e Junho

Março e Abril

Janeiro e Fevereiro

2006

Outubro, Novembro e Dezembro

Setembro

Agosto

Julho

Maio e Junho

Abril

Março

Janeiro e Fevereiro

2005

Novembro e Dezembro

Setembro e Outubro

Junho a Agosto

Maio

Março e Abril

Fevereiro

Janeiro

2004

Dezembro

Novembro

Outubro

Setembro

Agosto